quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Férias

Vinte dias de férias e muitos pratos novinhos em folha..
Fui para Goiânia e conheci o tal do pequi, da guariroba, da erva santa, da benção de Deus, do suco da uva vitis vinifera in natura, do noni,...
Outro país, outra fala, outros costumes e principalmente, outra gastronomia. Adorei tudo! As pessoas, as brincadeiras e, principalmente os corações. 
 

Me encantei com a diversidade de cores, texturas, aromas e sabores. Poderia ficar lá por um ano e não conseguiria dar conta de tanta inspiração que cada produto fez brotar no meu coração. 

 Quero voltar logo!!!

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

2014 = 7


Um ano 7 é um ano pra gente se lançar na vida sem medo de ser feliz. A carta 7 do Tarot é o Carro. Na imagem, um príncipe parte em sua carruagem, sem as rédeas nas mãos. Mas parte e, parte feliz confiando em sua intuição e nas escolhas que fez antes de embarcar. Não carrega consigo as dúvidas, as tristezas, as mágoas e as dores pelo que passou. Só leva, os aprendizados que teve, a alegria por partir para uma nova aventura e a confiança que tem na Sabedoria da Vida.

Para comemorar a partida:
Mamão
Ameixas
Vitis vinífera
Coco fresco ralado
Cracker de cacau
Hortelã

Que um sentimento de Paz e Alegria possa 
acompanhar a todos em 2014!


sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Jiló, Abóbora e Couve

Estou como gosto. Um silêncio orgânico quebrado apenas pelo canto dos pássaros. Um jardim rodeado de ervas e árvores cheias de frutinhas que atraem bandos de papagaios, maritacas e tuins. Acordo, vou caminhar e a primeira coisa que vejo é este jiló vermelho que me chama e me deixa louca. Lindo!

Ando e vou pensando na cor dele, esse vermelho intenso como um farol no meio de tanto verde. Incrível!..
Volto e trabalho até meio dia quando a fome me faz parar para pensar no que comer. Lembro dele e vou pegá-lo. O que fazer? Não tenho muitas coisas... ahhh, achei uma pequena abóbora menina bem madura. É ela! Peguei o liquidificador e fui colocando: abóbora picada, suco de duas laranjas e meio limão, um dente de alho, uma colherinha de sal, uma pitada grossa de curcuma, um pedacinho de gengibre e duas colheres de azeite. Bati e fiz um purê. Muuuito bom!
Peguei a folha de couve que estava na pia preparada para meu suco verde. Piquei, temperei com sal e amassei.
Peguei o pequeno jiló, descasquei e cortei bem fino. Temperei com algumas goras de limão, sal óleo de Baru e alecrim picadinho...
Lentilhas germinadas e alga Dulse para finalizar...#tudibom!!
Tudo assim, sem receitas, sem regras, apenas ao som das ordens ditadas pela intuição.

#tudibom!!#tudibom!!#tudibom

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Natal

Hoje passei horas vendo os vídeos natalinos que me enviaram. Tantas árvores lindas, tanta vontade de viver esses momentos com a família, de preparar segredinhos, surpresas, brincadeiras e muuuuita comida!
Vejo os anúncios de pratos, menus, restaurantes, buffets, e todo tipo de mercadoria preparada com esmero... Muita animação e tudo para comemorar o germinar de uma nova vida.
Então, me ponho a pensar na vida que vivi este ano. Nas descobertas que fiz, nas dores novas que senti, nos sabores que experimentei, nas rugas que ganhei... e, mesmo assim, quero mais. Quero recomeçar com essa alma nova que agora me pertence e poder olhar para novos horizontes com o entusiasmo e alegria que senti nesse dia:


Mania de brusquetas...


Postei na minha página do Facebook. Se você não a conhece, vai lá e dá uma curtida para ficarmos conectadas por lá também!
https://www.facebook.com/inesbraconnot.designergourmet 

 Já deu pra notar que estou num momentum brusquetas?
Essa é de tomate, passas brancas, manjericão, alho, sal de aipo e azeite com trigo germinado e picado. Ahhh, e os brotos de trevo e alfafa que coloquei muito mais depois da foto. Adoro!!

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Estreitando laços


Postei na minha página do Facebook. Se você não a conhece, vai lá e dá uma curtida para ficarmos conectadas por lá também!
Dia 5 de Dezembro:
Adoro quando tenho pequenas sobras de outros pratos e posso transformá-las em deliciosas "brusquetas" de abobrinhas.
Brusqueta de abacate temperado com alho, coentro, sal e limão.
Brusqueta de tomate, couve, cebola, sal limão e azeite.
Um fio de um azeite delicioso e algumas pimentas com casca de limão moídas na hora para finalizar. tudibom!


Dia 5 de Dezembro:
Pensando o que levar para as festas de natal com família e amigos. Eles olham para mim com cara de pânico por não saberem o que vou comer no meio de tantos pratos que me fazem rir muito ao lembrar do garçon vegetariano do porta dos fundos... Todo ano levo uma salada e uma torta de frutas. Este ano vou levar um Squindim. Algo com a cara de quindim, mas sem ovos e açúcar refinado.

Manga, coco e damascos batidos e desidratados na forminha.

 


terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Sumiço

Passei uma semana com meus primos em Salt Lake City, Utha. E, para quem não acredita, segue a foto do restaurante raw, o único do estado, o Rawtopia. Meu primo querido, Rafael, me fez essa surpresa. Um espaço onde meus aromas favoritos flanavam para me fazer feliz. Ervas frescas, óleos essenciais, desidratados maravilhosos, saladas incríveis. Tudo o que eu desejava depois de 21 horas de vôo. Nem preciso dizer o quando minhas moléculas adoraram!
Mas, não foi só isso, conheci a neve. Que emoção! Sempre tive medo do frio e nunca quis viajar no inverno... pois éhh, pré-conceitos... sempre uma prisão. 
Amei, senti uma alegria de criança e não vou esquecer mais os sentimentos que vivi lá. 
Esse ao meu lado é o Yuri, meu sobrinho que ainda não conhecia e com quem pude brincar de dar e tomar umas boladas de neve!!!
 



quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Outubro 2013

Me animei depois da palestra com degustação no Rio Gastronomia para duzentas pessoas e me vi gostando de desafios maiores do que estou acostumada.
Passei o mês inteiro me preparando para fazer uma Performance Degustativa durante o lançamento das louças e vidros da Mana Bernardes.
Tudo meticulosamente programado para funcionar sem estresses. Um evento em São Paulo dia 22 para duzentas pessoas e um evento no Rio dia 24 para outras tantas. 24 horas para estar tudo certo como dois e dois são quatro. Só que a vida traz surpresas e dois e dois passam a ser cinco rapidinho... Perdi um Ser muito amado no dia 23, no exato momento em que acabava de arrumar o terreno para preparar molhos e sucos para o dia D.............. Só dessa maneira a gente pode realmente se conhecer...
Os anjos ajudaram, eu fiz a minha parte e deu tudo certo! As poesias da Mana Bernardes gravadas na louça e declamadas por ela, a leveza dos seus vidros, a música do Pedro Bernardes, a incrível organização da equipe da Tok Stok e as minhas comidinhas criaram um momento de pura magia. Mais de duzentas pessoas fizeram um silêncio sagrado e muitas lágrimas brilharam de pura emoção. Foi lindo, tanto no Rio como em São Paulo!

 Não posso deixar de agradecer às minhas irmãs, Bel e Lupe pelo carinho com que me ajudaram a realizar este evento e também ao Rey Silva e a toda a equipe da Mana.

Pura diversão!

domingo, 29 de setembro de 2013

Curiosidade

Adoro aprender coisas incríveis como essa: a castanha do Brasil, a antiga castanha do Pará, é tão oleosa que pode ser acesa!!! Por que nunca aprendi isso no colégio? Teria economizado milhares de velinhas nos meus bolos de aniversário!!!

Receitas

Com sabor e com afeto, meu prato predileto!

Postei esta foto na minha página no facebook e recebi pedidos da receita. Gosto de fazer receitas. Sou virginiana, quero tudo organizado, mas o que mais gosto mesmo, é de criar sem o compromisso de perpetuar. É checar na cozinha que opções tenho para meu almoço. Tenho fome e quero algo que nem o sheik de Agadir teria em seu prato... tem que ser lindo, cheiroso, e me restaurar depois de uma manhã cheia de trabalhos. E aí, sai um prato assim que pelo tamanho dá pra medir a minha fome, mas não montar uma receita.

 

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Aventura urbana

Que experiência interessante, nova e cheia de adrenalina.
Nunca me considerei uma chef de gastronomia, não tenho um restaurante, não coordeno pessoas, sou uma pesquisadora... Fico misturando sabores, aromas, cores,... inventando ferramentas e criando receitas na minha cruzinha minúscula. Tudo cru, sem fogão e há treze anos.

Quando recebi o convite para participar do Rio Gastronomia 2013, aceitei porque senti que chegou a hora de mostrar que a gastronomia vegetariana e crua, a raw food, como é conhecida internacionalmente, pode ser um caminho interessante para se criar uma alimentação mais  orgânica, saudável e ecológica. E que os vegetais crus podem ser elaborados com tanto cuidado e requinte quanto qualquer outro alimento. Então, lá fui eu.

Ganhei o título de chef e uma jaqueta. Coloquei um lencinho de crochet feito por mim para prender os cabelos e, lá fui eu...

Encontrei muitas pessoas sérias coordenando tudo para que conseguíssemos fazer nossas aulas e nos  organizássemos para servir uma degustação para 200 pessoas em uma hora... Minha gratidão para elas e para toda a equipe que participou daqueles momentos.

Tenho que fazer um agradecimento especial para Sylvia, minha filha, que sentou bem na frente e me fez sentir seu amor o tempo todo para que eu não me perdesse... e não me perdi...Obrigada, amada!

Não é que deu certo? Adorei a experiência!

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Rio Gastronomia 2013

De 15 a 25 de agosto, a cidade vai ficar animada com o Circuito Rio Gastronomia, que acontece no Jokey Club Brasileiro. Serão 21 aulas com chefs dos mais diversos estilos, inclusive euzinha, com uma aula intitulada uma Cozinha sem Fogão.

Confira a agenda completa no site do Rio Gastronomia

Para se inscrever basta ligar para o telefone 2567-0464, das 9h às 18h.

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Berinjelas

Ontem me perguntaram: berinjela é boa pra quê? Lembrei da música da Marisa Monte:

Bebida é água
Comida é pasto
Você tem sede de quê?
Você tem fome de quê?

Já odiei uma berinjela, não podia nem ver. Mas, como cada dia tem o sabor de um novo dia, hoje adoro seu sabor e não passo um mês sem preparar algo novo com ela.Sinto fome dela!

Não dou muita bola pro "é bom para" que alguém me disse... Gosto de olhar, cheirar, provar e procurar fazer mais bonito, cheiroso e cheio de texturas para alegrar momentos...

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Crenças

Assim como a luz e a sombra, o oriente e o ocidente adoram viver contrários. Para nós brasileiros e, portanto, ocidentais, um sorvete é o símbolo do verão. Nada melhor para refrescar corpos quentes e suados. Mas, para os chineses, um sorvete deve ser consumido no inverno, quando o corpo está frio também. Para eles, o esforço que o corpo faz para se ajustar à temperatura do alimento, não é bom. Logo, sopa quente no verão e sorvetes no inverno...